Bolsas de Estudos

Bolsas de Estudos

Representantes de Universidades Comunitárias estiveram reunidos no Palácio Piratini

Confira áudio da matéria

:

No dia 16 de setembro, o reitor da Universidade de Cruz Alta, Fábio Dal-Soto, esteve na capital gaúcha participando de reunião realizada no Palácio Piratini. A pauta do encontro foi a formatação de um programa de concessão de bolsas para estudantes de baixa renda acessarem o ensino superior.

Os reitores que integram o Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung) propuseram a organização de um programa que assegure o investimento, previsto em lei, de 0,5% da receita líquida do Estado, para a Educação Superior pública e comunitária.

No ano de 2020, R$ 69 milhões deixaram de ser destinados para auxiliar nos estudos de cerca de 7 mil estudantes de baixa renda. De acordo com o balanço financeiro publicado pelo Estado, o percentual não está sendo totalmente direcionado ao ensino superior.

O reitor da Unicruz, Fábio Dal-Soto, enfatiza que a criação de um programa estadual de bolsas de estudo é de extrema relevância para a população do RS, especialmente tendo vista a perda da capacidade de pagamento pelos alunos, notadamente aqueles de baixa renda. Além disso, o Comung está capilarizado em todo o Estado, o que facilita o acesso de forma rápida e qualificada para a população em potencial.

Já o presidente do Comung, Evaldo Kuiava, destaca que as Instituições Comunitárias estão inseridas em todas as regiões do Estado e atendem cerca de 190 mil estudantes. O consórcio é uma rede de educação, ciência e tecnologia, constituindo o maior sistema de educação superior em atuação no Rio Grande do Sul.

Participaram do encontro o chefe da Casa Civil, Artur Lemos; o presidente da Assembleia Legislativa, Gabriel Souza; o presidente da Comissão de Educação, deputado Carlos Búrigo; Ricardo Melo Bastos, secretário adjunto de Inovação, Ciência e Tecnologia; o presidente do Comung,  Evaldo Kuiava, reitor da Universidade de Caxias do Sul e demais representantes das Instituições de Ensino Superior que integram o consórcio.

Modelo similar em Santa Catarina

No Estado de Santa Catarina já existe um programa  executado pela Secretaria da Educação que trabalha com diferentes tipos de bolsas de estudo, pesquisa e extensão para estudantes do Ensino Superior. O investimento tem feito a diferença para as universidades e estudantes em Santa Catarina.
No ano de 2019, foram destinados R$ 185 milhões. Em 2020, R$ 264 milhões. Já em 2021, somou R$ 467 milhões o valor investido, permitindo, assim, o acesso à educação de milhares de estudantes de famílias de baixa renda.

 

Fonte: Comung
Fotos: Luiz Chaves

 

Quer receber as notícias no seu email, acesse aqui