PROFISSÃO CATADOR
Professora M.Sc. Enedina Teixeira da Silva
Isadora Wayhs Cadore Virgolim
Coordenadoras do Projeto
Contato 
profissaocatador@gmail.com
+55 (55) 3322-8400
Horários de Atendimento
De Segunda a Sexta
8h às 12h
13h30min às 17h30min

Você é um dos principais agentes atuantes na execução do projeto. Através de sua colaboração alcançamos mudanças significativas na vida dos catadores e na organização de seus trabalhos. Sempre que a comunidade colabora com as ações do projeto, o reflexo é percebido não só na vida dos catadores mas também na própria sociedade.

Projeto Profissão Catador: um novo conceito para o lixo

O tratamento adequado aos resíduos sólidos urbanos e à reciclagem integram o conjunto de temas sobre o desenvolvimento sustentável, sendo que os catadores de materiais recicláveis são agentes primordiais dentro do processo de gestão desses materiais.

Este segmento social é composto por pessoas que encontram nessa atividade, historicamente realizada a partir de relações informais, uma alternativa possível para a sobrevivência por meio do trabalho. Vítimas de preconceito e à margem dos direitos trabalhistas, os catadores sofrem exploração, especialmente, na comercialização dos materiais.

A trajetória da Universidade de Cruz Alta com os catadores de materiais recicláveis tem início nesse contexto, em 2006, a partir da extensão universitária, com apoio financeiro de diversas instituições.

Em novembro de 2006 foi inaugurada a primeira Associação, ACCA (Associação de Catadores de Cruz Alta), no Bairro dos Funcionários.

Em 2009 foi inaugurada a segunda Associação, ARCA (Associação de Recicladores de Cruz Alta), no Bairro Acelino Flores, construída com recursos pleiteados pelo poder público municipal.

No ano de 2010 o trabalho nas associações existentes foi fortalecido e, ainda, foram criadas mais duas associações no município, AREPRICA, Bairro Primavera, e ATRECA, Bairro Progresso, e a CENCOR, uma central regional de comercialização de resíduos composta por equipe técnica, para dar assistência às Associações.

Dessa forma, o Projeto constituiu-se numa oportunidade de implementar uma tecnologia social para acompanhamento da organização dos catadores no município de Cruz Alta – RS, através da extensão universitária.

Em 2014 inicia-se uma nova etapa para o Projeto, dando continuidade aos avanços do Profissão Catador I, viabilizada com o propósito de constituir uma rede de comercialização de materiais recicláveis, fortalecendo a organização econômica e social dos catadores de materiais recicláveis do município de Cruz Alta e expandindo o trabalho de organização da atividade de catação para os municípios de Tupanciretã, Salto do Jacuí e Ibirubá.

Sobre resultados alcançados, com as diversas atividades desenvolvidas, podemos destacar o atendimento a mais de 235 catadores e mais de 705 pessoas, incluindo o grupo familiar.

Outro aspecto importante é a formação política dos participantes do projeto, por meio da participação em instâncias representativas, como audiências públicas, reuniões, fóruns, encontros e seminários, apresentando seus posicionamentos em defesa da atividade de catação de materiais recicláveis e dos seus direitos sociais.

A elevação de renda per capita dos participantes em 208% se materializa em mais uma conquista da profissionalização da atividade de catação, considerando que os catadores apresentavam, anteriormente, renda per capita abaixo da linha de indigência (inferior a ¼ de salário mínimo).

A formação de uma rede de parcerias para doação de materiais recicláveis às associações, firmada com mais de 92 empresas da iniciativa privada, também se constitui em um grande passo para a operacionalização da atividade.

Para além das conquistas no que se refere à geração de trabalho e renda, o Projeto Profissão Catador obteve inúmeros avanços na conscientização socioambiental da comunidade de Cruz Alta e região. Inúmeras atividades vêm sendo desenvolvidas com esse propósito desde a constituição do Projeto, como oficinas em escolas, participação em reuniões de instituições importantes na sociedade e nas empresas privadas e organizações públicas, atividades em condomínios, eventos para a comunidade (mateadas, feiras, dentre outros).

Avanços na coleta seletiva do município de Cruz Alta também aconteceram. A partir da parceria entre Poder público municipal e a Universidade de Cruz Alta, quanto aos projetos de extensão universitária, no que se refere à organização dos catadores, tem início em 2006 com a criação da primeira associação, quando a Unicruz recebe recurso do CNPq. Muitas foram as contribuições do poder público desde então: instalação da ACCA – Associação de Catadores do Bairro Funcionários (prédio), viabilização da energia elétrica nesta Associação, bem como água e inclusive alimento para os associados naquele período, e depois para as outras 3 associações; também a viabilidade do terreno para a construção e ampliação dos galpões.

Após a organização desses trabalhadores, a partir das condições dadas, começa a coleta seletiva no centro da cidade com containers, cujos  materiais recicláveis passam a ser destinados às associações.

        Com o avanço da organização e profissionalização dos trabalhadores da catação busca-se a parceria para implementar a coleta seletiva solidária executada por catadores e, com o apoio do projeto Profissão Catador, executado pela Inatecsocial – Unicruz.  O projeto piloto da coleta seletiva em Cruz Alta inicia em com 02 bairros, no ano de 2017, avançando para 13 bairros em 2018 e, em 2019, para 44 bairros a partir de termo de fomento com a Unicruz/Profissão Catador.

Além disso, o reconhecimento e respeito da comunidade em relação à reciclagem, a inclusão das famílias dos catadores em programas socioassistenciais e educacionais e a erradicação do trabalho infantil são grandes vitórias do trabalho desenvolvido.

A tecnologia social implantada pelo projeto, que parte da noção de autogestão e contempla duas instâncias, capacitação para o trabalho e para a formação política, materializou um novo cenário para os catadores de Cruz Alta.

As conquistas que evidenciam esse trabalho inovador são os patrocínios da Petrobras, CNPQ, Fapergs, Senaes, Rede de Parceira Social do Rio Grande do Sul e demais instituições de alcance nacional, bem como as variadas premiações: Prêmio FINEP de Inovação 2012 – Tecnologia Social; Prêmio Desenvolvimento e Fortalecimento do município pela ASCAMAJA; Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social em 2013 e em 2015; Prêmio Pioneiras da Ecologia 2015 pela Assembleia Legislativa do RS; Prêmio Sinpro Educação RS 2017 Prêmio Reconhecimento Sustentabilidade do PGQP RS 2018.

Mais informações

55 3322 8400

Pelo nosso planeta!

O Projeto Profissão Catador: entre o viver e o sobreviver do lixo, elaborado pela Universidade de Cruz Alta e que em 2010 foi contemplado no Programa da Petrobras Desenvolvimento e Cidadania está em pleno funcionamento. Desde março de 2011, quando iniciaram-se os trabalhos, a equipe formada por monitores, assistentes sociais, assessor de comunicação, um administrador, um motorista e com a Coordenação das Professoras Enedina Maria Teixeira da Silva, Isadora Wayhs Cadore Virgolin e Rozali Araújo dos Santos, vem mantendo atividades junto as associações de catadores de Cruz Alta, oportunizando assim a geração de trabalho e renda para estas famílias que dependem deste processo como atividade profissional.

Atualmente o Projeto Profissão Catador conta com 130 catadores cadastrados, que desenvolvem suas atividades nas Associações do Bairro Acelino Flores, Funcionários, Jardim Primavera 2 e Bairro Planalto.

O Projeto Profissão Catador é responsável hoje pela mudança significativa de diversas famílias. Através das parcerias e do incentivo da Petrobras, as atividades organizam o trabalho dos catadores e provocam um aumento na renda familiar. A conscientização na hora do descarte do lixo domiciliar e empresarial é de grande importância e reflete ao final do processo, que é a quantidade de material arrecadado pelos catadores para a venda.

Ligue para a CENCOR: 55 3322 8400, informe-se de como pode colaborar com o projeto e fique por dentro da melhor maneira de separar seu lixo.

O Projeto Profissão Catador é responsável hoje pela mudança significativa de diversas famílias. Através das parcerias e do incentivo da Petrobras, as atividades organizam o trabalho dos catadores e provocam um aumento na renda familiar. A conscientização na hora do descarte do lixo domiciliar e empresarial é de grande importância e reflete ao final do processo, que é a quantidade de material arrecadado pelos catadores para a venda.

Ligue para a CENCOR: 55 3322 8400, informe-se de como pode colaborar com o projeto e fique por dentro da melhor maneira de separar seu lixo.

Notícias

Noticias

set
10

Feira das Profissões

Às 22:21
Por Núcleo Integrado de Comunicação
set
09

Acordo de cooperação

Às 11:23
Por Camila Bitencourt
set
09

Editais 2020

Às 10:56
Por Núcleo Integrado de Comunicação Unicruz
set
04

Espaço Inatecsocial

Às 16:35
Por Núcleo Integrado de Comunicação Unicruz
set
04

Mostra Fotográfica

Às 16:26
Por Núcleo Integrado de Comunicação Unicruz
set
03

Tecnologia a favor da estética

Às 16:56
Por Camila Bitencourt
set
03

Profissão contábil

Às 10:59
Por Núcleo Integrado de Comunicação Unicruz

Projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão com temas relacionados ao Projeto Profissão Catador:

Título: O planejamento urbano como indutor de qualidade de vida e inserção social de comunidade de catadores da cidade de Cruz Alta.

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta – RS (Dissertação de Mestrado em Práticas Socioculturais e Desenvolvimento Social)

Autor: Marco Antonio RIbeiro Edler

Orientadora: Docente da Universidade de Cruz Alta, Sirlei de Lourdes Lauxen

Objetivo Geral: Analisar os anseios e perspectivas da comunidade de catadores do Bairro Acelino Flores em relação às suas condições de vida e cidadania, a partir da visão dos próprios integrantes da comunidade.

Dissertação em andamento.

Título: O Curso de Estética e Cosmética e a prevenção de agravos à pele de profissionais expostos à radiação ultravioleta

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta (Projeto PIBEX UNICRUZ – Curso de Estética e Cosmética).

Coordenadora: Dinara Hansen, Docente da Universidade de Cruz Alta.

Objetivo Geral: Levantar hábitos de cuidado com a pele e promover estratégias de prevenção de agravos e promoção de saúde para os profissionais do corpo técnico funcional dos setores de obras/infraestrutura e serviços gerais da UNICRUZ e dos catadores vinculados ao projeto Profissão Catador.

Projeto em andamento.

Título: Gestão do Conhecimento: Um Estudo de Caso no Projeto Profissão Catador

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta – RS – (PIBIC – Curso de Administração).

Autora: Karen de Medeiros

Orientadora: Rozali Araújo dos Santos – (Docente da Universidade de Cruz Alta).

Objetivo Geral: Identificar como ocorre a gestão do conhecimento dentro do Projeto Profissão Catador. De maneira específica, pretende-se: mapear o processo de criação e transmissão do conhecimento, dentro do referido projeto, pois, para que ocorra entendimento desse conhecimento, é preciso que se realize um processo de aprendizagem, ou seja, a transferência do conhecimento gerado no processo de gestão do conhecimento.

Projeto em andamento.

Título: O poder simbólico do lixo: a (re)emergência do sujeito excluído pelo urbano

Instituição e Curso: Universidade de Passo Fundo – (Dissertação de Mestrado – Programa de Pós-Graduação em Letras).

Autora: Rubiamara Pasinatto

Orientadora: Carme Regina Schons

Objetivo: identificar e analisar as marcas linguísticas depreendidas no discurso do catador que apontam para a (re)emergência desse sujeito, que, num primeiro momento, andava isoladamente pelas ruas em busca de sustento e de uma situação digna de vida, e que, a partir do momento em que passa a integrar o projeto “Profissão Catador”, se vê em um novo contexto.

Dissertação concluída.

Título: Conhecimento Nutricional dos Catadores do Projeto Profissão Catador

Instituição e Curso: Universidade de Ijuí – Unijuí (TCC do Curso de Nutrição).

Autor: Maryo Luiz da Cunha

Orientadora: Docente da Unijuí – Eilamaria Libardoni Vieira

Objetivo Geral: Investigar os conhecimentos sobre alimentação e nutrição dos catadores participantes do projeto Profissão Catador do município de Cruz Alta/RS.

TCC em andamento.

Título: Coleta Seletiva Solidária: Uma proposta da Unicruz para contribuir com a inclusão social dos catadores de materiais recicláveis de Cruz Alta.

Coordenadora: Docente da Universidade de Cruz Alta, Isadora W. Cadore Virgolin

Bolsista: Rudimar da Silva Cardias do Curso de Jornalismo.

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta – Unicruz (Projeto PIBEX em execução).

Objetivo Geral: Destinar os resíduos recicláveis descartados na instituição para as Associações de Catadores de Materiais Recicláveis de Cruz Alta de modo a contribuir para mudar valores e atitudes para com o ambiente através da mobilização da comunidade universitária e do estímulo a geração de trabalho e renda dos catadores.

Projeto em andamento.

Título: O Efeito Bruxa na Constituição do Sujeito Criança: Um Percurso da Fogueira aos “Doces e Travessuras” A Partir da AD Francesa.

Autora: Mariana de Oliveira Wayhs

Orientadora: Docente da Universidade de Cruz Alta – Elizabeth Fontoura Dorneles

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta – Unicruz. (Dissertação de Mestrado em Práticas Socioculturais e Desenvolvimento Social).

Objetivo Geral: Desvelar o funcionamento discursivo a partir da análise dos efeitos de sentido constituídos na relação personagem Bruxa / sujeito criança.

Dissertação em andamento.

Título: Sistema de gerenciamento de informações do projeto profissão catador.

Coordenador: Docente da Universidade de Cruz Alta, Rodrigo Luiz Antoniazzi

Bolsista: Fernando Arthur Weber

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta – Unicruz – Curso de Ciência da Computação (Projeto PIBEX em execução).

Objetivo Geral: Desenvolvimento de um sistema que vise agilizar o processo de cadastro, consulta e geração de relatórios dos módulos do projeto profissão catador.

Projeto em andamento.

Título: A Arteterapia como Instrumento de Promoção da Qualidade de Vida dos Profissionais da Reciclagem

Autora: Franciele Mirian da Rocha

Orientadora: Docente da Universidade de Cruz Alta, Maria Aparecida Santana Camargo

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta – (Dissertação de Mestrado em Práticas Socioculturais e Desenvolvimento Social).

Objetivo Geral: Promover a melhoria da qualidade de vida e da autoestima de profissionais da reciclagem através da Arteterapia, possibilitando aos sujeitos a ressignificação dos materiais com que convivem no cotidiano.

Dissertação em andamento.

Título: Profissão Catador: tecnologia social para a organização socioeconômica de catadores de materiais recicláveis

Coordenadora: Docente da Universidade de Cruz Alta, Maria Aparecida Santana Camargo

Bolsista:

Bolsista: Bruna Wandscheer de Almeida

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta – Unicruz – Curso de Arquitetura e Urbanismo. (Projeto PIBITI).

Objetivo Geral: Apresentar uma tecnologia social visando inovar e dinamizar o atual processo da organização do trabalho de catação, separação, armazenamento e comercialização de materiais recicláveis.

Projeto em andamento.

Título: A Organização Socioeconômica dos Catadores de Materiais Recicláveis de Cruz Alta Viabilizada por Processos de Tecnologia social

Coordenadora: Docente da Universidade de Cruz Alta, Maria Aparecida Santana Camargo

Bolsistas: Ex Acadêmica do Curso de Direito, Thaís Helena de Mello Seccon e ex Acadêmico do Curso de Jornalismo, Davi dos Santos Pereira.

Instituição: Universidade de Cruz Alta – Unicruz. (Projeto PIBITI).

Objetivo Geral: Conceber e sistematizar juntamente com a equipe dos catadores, uma tecnologia social visando inovar e dinamizar o atual processo de catação (coleta, separação, armazenamento e comercialização).

Projeto concluído.

Título: Da Condição à Profissão: Estratégias Comunicacionais na Mudança de Discurso dos Catadores de Cruz Alta

Autor: Vinicius Morais Campos

Orientador: Docente da Universidade de Cruz Alta, Antônio Escandiel

Instituição e Curso: Universidade de Cruz Alta – Unicruz (Dissertação de Mestrado do Curso de Práticas Socioculturais e Desenvolvimento Social).

Objetivo Geral: Compreender mudanças no discurso dos catadores participantes do Projeto Profissão Catador de Cruz Alta a fim de verificar qual a influência que as estratégias comunicacionais praticadas exercem no grupo de catadores do projeto.

Dissertação em andamento.