Fortalecimento da agricultura familiar

Fortalecimento da agricultura familiar

A Universidade de Cruz Alta ajudando a impulsionar a atividade leiteira na nossa região

Foi divulgada no Diário Oficial de 4 de novembro a renovação por mais cinco anos do termo de cooperação entre a Universidade de Cruz Alta, juntamente com a Unijuí, Universidade Federal de Santa Maria, Instituto Federal Farroupilha, Emater/RS-Ascar e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), tendo como objetivo a parceria em torno da pesquisa e extensão rural no âmbito do Programa em Rede de Pesquisa-desenvolvimento em Sistemas de Produção com Atividade Leiteira na Região Noroeste do Estado- Rede Leite.

As instituições buscam ações conjuntas de pesquisa-desenvolvimento, visando contribuir para o fortalecimento e a viabilidade da agricultura familiar produtora de leite na região Noroeste do Rio Grande do Sul, segundo a professora Claudia Mera, que coordena as atividades relacionadas à Rede Leite na Universidade de Cruz Alta.

Ainda, de acordo com a professora “A agricultura familiar representa cerca de 79% dos estabelecimentos rurais da região do Corede Alto Jacuí e ocupa somente 30% da área, sendo a atividade leiteira um importante segmento que garante renda mensal a esses agricultores. A parceria com a Rede Leite constituiu um importante instrumento para avançar nas pesquisas, especialmente na gestão e na sucessão rural, que representam importantes desafios para o fortalecimento da atividade leiteira regional”.

Quer receber as notícias no seu email, acesse aqui