#VestibularUnicruz: 11 dicas para as provas

#VestibularUnicruz: 11 dicas para as provas

Professores do Proenem/Unicruz esclarecem cuidados a serem tomados na escrita da redação e do memorial descritivo.

:

O vestibular é uma das portas de entrada para o Ensino Superior, por isso toda cautela é necessária. Na Universidade de Cruz Alta, a edição de inverno do processo seletivo está com inscrições abertas e terá, além da tradicional prova de redação para quem concorre às vagas nos cursos presenciais, um memorial descritivo para vestibulandos dos cursos híbridos (clique aqui e conheça a novidade criada pela Unicruz neste semestre). Mas, como conduzir a elaboração do texto?

Docentes do Proenem/Unicruz, Curso Preparatório para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), colaboraram com dicas. Veja abaixo as recomendações dos professores Dra. Ieda Linck e Leandro Moura, que utilizaram como referências o autor Irany Novah Moraes.

Prova de redação (cursos presenciais)

– Mantenha-se atualizado em relação aos fatos (sociais, políticos, culturais, ambientais, etc.) que ocorrem no Brasil e no mundo, lendo revistas e jornais, impressos ou on line. Só assim, você enriquecerá seu repertório de informações e argumentos para opinar de forma consistente sobre o tema proposto. A escrita é, sim, resultado da leitura.

– Leia com máxima atenção a proposta apresentada, procurando entender o que dizem os textos motivadores. Lembre-se de que esses textos não podem ser ignorados no desenvolvimento de sua redação. Isso evita tangenciar o tema proposto.

– Faça, antes da redação, um roteiro (esquema), e na hora de passar a limpo seu texto, realize uma atenta revisão gramatical e linguística. Não escreva períodos muito longos nem muitos curtos. Utilize, para tanto, a pontuação de forma correta. Essa prática garante clareza e objetividade textual.

– Escolha argumentos fortes, legítimos e pertencentes ao universo de discussão do tema. Procure adequar o conteúdo do texto com o mundo real. Evite divagar, pois você pode não conseguir retornar e conduzir o texto de forma coerente. Seja convincente, sem ser invasivo.

– Independente do gênero textual exigido, use, sempre, a língua padrão. Não utilize a linguagem regional, popular, gíria ou internetês. Lembre-se: você está escrevendo para uma situação formal.

– Não esqueça de finalizar sua redação, indicando soluções e possíveis caminhos para resolver o problema apresentado. Pense em medidas, métodos e ações coerentes para marcar sua contribuição. Não adianta apenas criticar, sem apontar possibilidades de mudança.

Prova de memorial descritivo (cursos híbridos)

– Primeiro, apresentamos o conceito de memorial descritivo: É uma autobiografia que descreve, analisa e critica acontecimentos sobre a trajetória intelectual/escolar/profissional do seu autor, avaliando cada etapa de sua experiência.

– O texto deve ser redigido na primeira pessoa do singular, o que permitirá enfatizar o mérito de suas realizações. Convém ressaltar que em cada fase é importante registrar o que você aprendeu e melhorou durante o percurso relatado. Não fale apenas em você, mas sobre suas realizações.

– O texto deve seguir as normas da língua padrão, bem como a estrutura de parágrafo; deve ser bem argumentado, bem escrito e coerente; não deve ser superficial nem minucioso em demasia.

– Na hora de elaborar o seu memorial descritivo, é de suma importância observar os itens solicitados na prova. É isso que vai nortear, inclusive, o tamanho do texto. Nunca exagere na humildade, e muito menos na prepotência.

– Justificar os motivos que levaram o candidato a escolher o curso pretendido, explicitando as suas expectativas com o mesmo, é um item de suma importância. Com isso, deve convencer a banca do porquê merece ser aprovado.

As inscrições para o Vestibular de Inverno estão disponíveis no site da Unicruz, com quatro possibilidade de data para realização da prova.

Mais informações
www.unicruz.edu.br/vestibular
(55) 3321-1515
vestibular@unicruz.edu.br

Quer receber as notícias no seu email, acesse aqui